bio

 

alice shintani, 1971
são paulo, brazil. lives and works in sao paulo.

alice works from an expanded idea of painting as starting point to imagine forms of approaching to the emancipated other and to reflect on the possibilities of aesthetic experience today: where, whom and how we can access it in order to dislocate something. Defending the idea that such experience exists beyond the established art system, Shintani transits between different contexts – from art gallery to the warehouse of neighbourhood market, from the home kitchen to the sidewalk of a public square – interested in diminishing the distances and meanings between poetic and political gestures.

 

residencies, workshops and experiments

2018
Sweet Home residency program, Hablar en Arte / Curators Network, Madrid.

2017
Delfina Foundation residency program (autumn season), London;
Lecture and studio-visits for Valand Academy, Gotenborg;
Art Matters: Contemporary Art Practices in Post-migrant Societies workshop series, Robert Bosh Foundation, Berlin;
Tupinabentô. Experimental cooking sarau at Casateliê, Sao Paulo;
Tuiuiú. Intervention project with Coletivo Sem Título s.d. + Brazilian Association of Binding and Restoration + Dom Jose Gaspar public square + Mario de Andrade library, Sao Paulo.

2013 – 2016
Óia Brigadeiro! Street-vending of homemade candies, Sao Paulo downtown.

2013 – 2015
Percursos ao Leste. Autonomous research on Sao Paulo eastern peripheral neighborhood. Cidade Tiradentes, Jardim Romano and Itaquera, Sao Paulo.

2003 – 2006
Festival de Inverno da Serrinha (winter residencies), Bragança Paulista.

 

solo exhibitions

2017
Menas. Galeria Marcelo Guarnieri, São Paulo.

2013
O Cru e o Cozido. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto.

2012
Hanafuda. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.

2011
Bakemono. Casa Triângulo, São Paulo.

2010
Sinopse. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.

2009
Éter. Galeria Virgilio, São Paulo.

2008
Éter. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto;
Dominó. Faculdade de Medicina USP-Ribeirão Preto, Ribeirão Preto.

2007
Quimera. Galeria Virgílio, São Paulo;
Estações. Centro Cultural São Paulo;
Aproximações. Paço das Artes, São Paulo.

 

group exhibitions

2017
Delfina Presents: Autumn Residents 2017. Delfina Foundation, London;
Shadows and Monsters. Gasworks / Studio 7, London;
OSSO – Exposição-apelo ao amplo direito de defesa de Rafael Braga. Instituto Tomie Ohtake, Sao Paulo.

2016
Olhar InComum. Museu Oscar Niemeyer, Curitiba.

2014
65º Salão Paranaense. MAC Paraná, Curitiba;
Survival Adaptations. Aggregate Space Gallery, Oakland;
Órbita. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto;
Momento Contemporâneo. Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto.

2013
UTROPIC. Centrum Sztuki Wspólczesnej. Poznán;
Novas Aquisições. II Prêmio Itamaraty de Arte Contemporânea. Palácio do Itamaraty, Brasília.

2012
Acervo. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto;
Artes e Ofícios 1 – Para Todos, Liceu de Artes e Ofícios, São Paulo;
Coletiva 12. Galeria Mercedes Viegas, Rio de Janeiro;
Técnicas de Desaparecimento. Guantanamo;
Além da Forma. Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto;
Labirinto Particular. Museu de Arte de Santa Catarina, Florianopolis.

2011
O Colecionador de Sonhos. Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto;
Coletiva 11. Galeria Mercedes Viegas, Rio de Janeiro.

2010
Edições. Casa Triângulo, São Paulo;
Visumix Satyrianas. Praça Roosevelt, São Paulo;
Em Obras. Passagem Literária da Consolação, São Paulo.

2009
63o Salão Paranaense. Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba;
Rumos Artes Visuais – Trilhas do Desejo. Paço Imperial, Rio de Janeiro;
Rumos Artes Visuais – Um Lugar A Partir Daqui. ECCO, Brasília;
Rumos Artes Visuais – Trilhas do Desejo. Instituto Itaú Cultural, São Paulo;
Nova Arte Nova. Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo.

2008
Estado de Exceção. Paco das Artes, Sao Paulo;
Nova Arte Nova. Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro;
BR 2008. Galeria Virgílio, São Paulo;
Coletiva. Galeria Mercedes Viegas, Rio de Janeiro;
Abraços na Arte: Brasil-Japão. Museu Rodin, Salvador;
Happy Hour. Ateliê D-3, São Paulo;
Arte Brasileira Contemporânea. Galeria Murilo Castro;
Oriente, Ocidente. Centro Cultural Sao Paulo;
33o Salão de Ribeirão Preto Nacional Contemporâneo. Ribeirão Preto;
12o Salão Paulista de Arte Contemporanea. Casa das Rosas, Sao Paulo;
Arte Brasil-Japão. MAC-USP, Sao Paulo;
Salão Unama de Pequenos Formatos. Galeria Graçaa Landeira, Belem;
36o Salão de Arte Contemporanea de Santo André;
Traçados Modernos e Contemporâneos. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto.

2007
Conjunção | Conexão. Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirao Preto;
Olho Sobre Tela. Mapa das Artes | Casa da Xiclet, Sao Paulo.

2006
9o Salão Nacional Victor Meirelles. Museu da Arte de Santa Catarina, Florianopolis;
25o Arte Pará. Fundacao Romulo Maiorana, Belem;
VIII Bienal Nacional do Recôncavo. Centro Cultural Dannemann, São Felix;
10a Bienal Nacional de Santos;
6o Salão de Arte do Amapá. SESC Amapá, Macapá.

2005
30o Salao de Arte Contemporanea de Ribeirao Preto, Museu de Arte de Ribeirao Preto;
37o Salao de Arte Contemporanea de Piracicaba;
33o Salao Bunkyo de Arte Contemporanea, Associacao Cultural Nipo-Brasileira.

2004
VII Bienal Nacional do Reconcavo, Centro Cultural Dannemann, São Felix;
36o Salao de Arte Contemporanea de Piracicaba;
I Salao Aberto Paralelo à 26a Bienal de São Paulo, Casa das Retortas;
São Paulo, Uma Viagem de 450 anos, SESC São Paulo;
Salão Bunkyo Mostra Comemorativa SP 450 anos, Associação Cultural Nipo-Brasileira.

2003
III Salão Bunkyo de Pintura Figurativa, Associação Cultural Nipo-Brasileira.

 

awards

2017
Prêmio de Residência SP-Arte 2017 / Delfina Foundation, London.

2014
100 Painters of Tomorrow. Thames & Hudson catalogue, London.

2012
Prêmio-aquisição II Concurso Itamaraty de Arte Contemporânea. Ministério das Relações Exteriores, Brasília.

2009
Finalista Bolsa Iberê Camargo, edição 2009. Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre.

2007
Prêmio-aquisição 9o Salão Nacional Victor Meirelles 2006. Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis.

2006
Prêmio-aquisição VIII Bienal Nacional do Recôncavo. Centro Cultural Dannemann, São Félix.

2004
Prêmio-aquisição 36o Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba. Pinacoteca Municipal Miguel Dutra, Piracicaba.

2003
Menção-honrosa III Salão Bunkyo de Pintura Figurativa. Associação Cultural Nipo-Brasileira, São Paulo.

 

education

2016
Lingua e Cultura Árabe. BibliASPA Centro de Pesquisa, São Paulo.

2014
Percursos ao Leste. Centro de Formação Cultural SESC, São Paulo;
Intervenções Urbanas e Arquitetura Popular. SESC Pompéia, São Paulo.

2012
História e linguagem do cinema. Com Inácio Araújo, São Paulo;
Panorama do cinema japonês. Com Sérgio Alpendre, São Paulo;
Japanese language. Associação Cultural Nipo-Brasileira de São Paulo.

2003-2007
Drawing and painting with Dudi Maia Rosa;
Latto sensu courses on art history, art theory and contemporary philosophy with Carlos Fajardo, Peter Pal Pelbart, Thierry de Duve, Vladimir Safatle and others.

1989-1993
Computer engineering, Bsc. University of Campinas.

 

– alice shintani is represented by galeria marcelo guarnieri.