hanafuda (2012)

hanafuda

2012. Baralho de pinturas.

"hanafuda", 2012. 32 partes em resina acrílica sobre linho.

“Nabo, nassú e daikon: nabo é nabo, nassú é beringela e daikon é nabo”

Durante séculos, os baralhos de cartas foram proibidos no Japão por serem considerados jogos de azar. Para burlar a ilegalidade, as cartas eram criadas sem números ou letras, diferentemente dos baralhos ocidentais. Cada província possuía a sua iconografia particular, algumas de influência portuguesa originária do século XVI.

“Hanafuda” foi um popular baralho de cartas japonês* com símbolos dos doze meses, produzido pela empresa Nintendo Koppai a partir do final do século XIX.

*Embora o título do projeto utilize a referência do baralho “Hanafuda”, as pinturinhas misturam outros carteados e referências não necessariamente orientais (aviso aos curadores de questões nipo-identitárias).

Na língua japonesa, “amanhã” é a soma dos ideogramas “claridade” e “dia”.

so-so eng?